ZUZU FONTES

PLUS SIZE MODEL

terça-feira, 29 de março de 2011

MARAVILHOSO MUNDO PUBLICITÁRIO

A LIGA - Transtornos Mentais - PARTE 5

A LIGA - Transtornos Mentais - PARTE 4

A LIGA - Transtornos Mentais - PARTE 3

A LIGA - Transtornos Mentais - PARTE 2

A LIGA Transtornos Mentais PARTE 1

sábado, 26 de março de 2011

O QUE É MOVIMENTO LUTA ANTIMANICOMIAL ?


O Movimento Antimanicomial tem o dia 18 de maio como data de comemoração no calendário nacional brasileiro. Esta data remete ao Encontro dos Trabalhadores da Saúde Mental, ocorrido em 1987, na cidade de Bauru, no estado de São Paulo.
Na sua origem, esse movimento está ligado à Reforma Sanitária Brasileira da qual resultou a criação do Sistema Unico de Saúde - (SUS); está ligado também à experiência de desinstitucionalização da Psiquiatria desenvolvidas em Gorizia e em Trieste, na Itália, por Franco Basaglia nos anos 60.
Como processo decorrente deste movimento, temos a Reforma Psiquiátrica, definida pela Lei 10216 de 2001 (Lei Paulo Delgado) como diretriz de reformulação do modelo de Atenção à Saúde Mental, transferido o foco do tratamento que se concentrava na instituiçãohospitalar, para uma Rede de Atenção Psicossocial, estruturada em unidades de serviços comunitários e abertos.
Segundo os estudos do Dr.Paulo Amarante, coordenador do livro Loucos Pela Vida: a Trajetória da Reforma Psiquiátrica no Brasil [1], a reforma psiquiátrica é um processo complexo [2], pode-se registrar como evento inaugural, desse movimento, a crise institucional vivida pela Divisão de Saúde Mental do Ministério da Saúde,(DINSAM) na década de setenta.
Política pública de saúde mental é um processo político e social complexo, composto de participantes, instituições e forças de diferentes origens que acontece em diversos territórios. É um conjunto de transformações de práticas, saberes, valores culturais e sociais, e é no cotidiano da vida das instituições, dos serviços e das relações interpessoais que o processo da política avança, passando por tensões, conflitos e desafios. [3]
Nos séculos passados, quando ainda não havia controle de saúde mental, a loucura era uma questão privada onde, as famílias eram responsáveis por seus membros portadores de transtorno mental. Os loucos eram livres para circulação nos campos, mas, nem tudo eram flores. Eles também eram alvo de chacotas, zombarias e escárnio público.
Com o passar dos anos, começou então a discussão e luta pela implantação de serviços de saúde mental no Brasil. Foi ai então que surgiram as primeiras instituições, no ano de 1841 na cidade do Rio de Janeiro, que era um abrigo provisório, logo após surgirem outras instituições como hospícios e casas de saúde. Somente agora no final do século XX é que a militância por serviços humanizados consegui às primeiras implantações de Centros de Atenção Psicossocial os CAPS .


Foi em 2001 que a Lei Paulo Delgado foi sancionada no país. A Lei redireciona a assistência em saúde mental, privilegiando o oferecimento de tratamento em serviços de base comunitária, dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas com transtornos mentais, mas não institui mecanismos claros para a progressiva extinção dos manicômios.
NAS FOTOS PALESTRA  POR ZUZU FONTES E NERCINDA CLARESMINDA NO CAPSI UFES EM MARÇO DE 2011.

Movimento antimanicomial







    




     

MARAVILHOSO MUNDO PUBLICITÁRIO


terça-feira, 15 de março de 2011

sábado, 12 de março de 2011

14a CONFERÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE MENTAL


Presidência da República
Casa Civil
Subchefia para Assuntos Jurídicos

DECRETO DE 3 DE MARÇO DE 2011
 Convoca a 14a Conferência Nacional de Saúde.
A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, inciso VI, alínea “a”, da Constituição,

DECRETA:

Art. 1º Fica convocada a 14a Conferência Nacional de Saúde, a se realizar no período de 30 de novembro a 4 de dezembro de 2011, em Brasília, Distrito Federal, com o tema: “Todos usam o SUS! SUS na Seguridade Social - Política Pública, Patrimônio do Povo Brasileiro” e o eixo: “Acesso e acolhimento com qualidade: um desafio para o SUS”.


Art. 2º A 14a Conferência Nacional de Saúde será presidida pelo Ministro de Estado da Saúde e, na sua ausência ou impedimento, pelo Secretário-Executivo do Ministério da Saúde.

Art. 3º As etapas municipais da 14a Conferência Nacional de Saúde serão realizadas no período de 1º de abril a 15 de julho de 2011 e as etapas estaduais, no período de 16 de julho a 31 de outubro de 2011.

Art. 4º O regimento interno da 14a Conferência Nacional de Saúde será aprovado pelo Conselho Nacional de Saúde e editado mediante portaria do Ministro de Estado da Saúde.

Art. 5º As despesas com a organização e realização da 14a Conferência Nacional de Saúde correrão por conta de recursos orçamentários consignados ao Ministério da Saúde.



Art. 6º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 3 de março de 2011; 190º da Independência e 123º da República.

DILMA ROUSSEFF
Alexandre Rocha Santos Padilha



sexta-feira, 11 de março de 2011

CARL JUNG FRASES

"Tudo que nos irrita nos outros pode levar-nos a uma melhor compreensão de nós mesmos."


"O homem que não atravessa o inferno de suas paixões também não as supera. Elas se mudam para a casa vizinha e poderão atear o fogo que atingirá sua casa sem que ele perceba."


"O principal objetivo da Terapia não é transportar o paciente para um impossível estado de felicidade, mas sim ajudá-lo a adquirir firmeza e paciência diante do sofrimento. A vida acontece num equilíbrio entre a alegria e a dor."


"Mas o que acontecerá, se descubro, porventura, que o menor, o mais admirável de todos, o mais pobre dos mendigos, o mais insolente dos meus caluniadores, o meu inimigo, reside dentro de mim, sou eu mesmo, e precisa da esmola da minha bondade, e que eu mesmo sou o inimigo que é necessário amar?"


"A reunião de duas personalidades é como o contato de duas substâncias químicas: se houver alguma reação, ambos serão transformados."


"O que não enfrentamos em nós mesmos, encontraremos como destino."


"O sonho mostra a verdade interior e a realidade do paciente, não como eu conjecturo que seja e não como ele gostaria que fosse, mas como realmente é."


Frases de Carl Gustav Jung




LIVRETOS SOBRE ESQUIZOFRENIA

http://www.abrebrasil.org.br/livretos/livreto1.pdf


http://www.abrebrasil.org.br/livretos/livreto2.pdf

http://www.abrebrasil.org.br/livretos/livreto3.pdf

http://www.abrebrasil.org.br/livretos/livreto4.pdf

http://www.abrebrasil.org.br/livretos/livreto5.pdf

http://www.abrebrasil.org.br/livretos/livreto6.pdf

VAMOS RESGATAR O IATE CLUBE DE MARATAÍZES -ES

No início era só um sonho meu. Passou a ser um sonho de um grupo de amigos do Facebook e agora é um sonho de toda uma cidade.Obrigada, Facebook.Obrigada,prefeito.Obrigada, amigos, Obrigada, MEU DEUS!

CALPSI UFES PALESTRA


CALPSI UFES PALESTRA


quinta-feira, 3 de março de 2011

DEFICIÊNCIAS

Esposa Surda
- Qual o problema de sua esposa?
- Surdez. Não ouve quase nada.
-Então o senhor vai fazer o seguinte: antes de trazê-la, faz um teste para
facilitar o diagnóstico do médico.
Sem ela olhar, o senhor, a certa distância, fala em tom normal, até perceba
a que distância ela consegue ouví-lo.
E quando vier, diz ao médico a que distância o Sr. estava quando ela o ouviu.
- Certo?
- Está certo.
À noite, quando a mulher preparava o jantar, o velhote decidiu fazer o
teste.Mediu a distância que estava em relação à mulher.
E pensou:"Estou a 15 metros de distância. Vai ser agora"
- Maria, o que temos para jantar?
Silêncio.
Aproxima-se a 10 metros:
- Maria, o que temos para jantar?
Silêncio.
a uma distância de 5 metros:
- Maria, o que temos para jantar?
Silêncio.
Por fim, encosta-se às costas da mulher e volta a perguntar:
- Maria! O que temos para jantar?
- Frango, caramba... É a quarta vez que eu respondo!
NORMALMENTE, NA VIDA, PENSAMOS QUE AS DEFICIÊNCIAS SÃO DOS OUTROS E NÃO
NOSSAS.